5 de out de 2009

PREGO DA SAUDADE OU FURO DA SOLIDÃO?


As imagens desta página foram retiradas da busca Google, caso seja sua criação e não autorize postá-la, favor entrar em contato comigo que retirarei imediatamente. Obrigada!




PREGO DA SAUDADE OU FURO DA SOLIDÃO?



Algumas vezes em que fixo um quadro e não me agrado do lugar, depois tento retirar o prego, dá mais trabalho do que para colocá-lo mesmo que eu tenha martelado o dedo. Agora quando sai o prego fica um furo na parede denunciando minha indecisão na escolha do local adequado.

Tem uns preguinhos até hoje que desisti arrancar, pois ficou muito emperrado, então coloquei um enfeite para escondê-los. Esse tipo de prego teve jeito de disfarçar, mas tem um que estou tentando retirar faz um bom tempo, aliás eu preciso extrair um que está bem fincado no meu coração. Alguém que prometeu pendurar a imagem de um amor bonito nas paredes do meu coração, no lugar fincou-me um prego de ilusão e agora está doendo muito.

Talvez não consiga arrancar o prego por medo de me machucar mais ainda e também porque mesmo doendo, ele é a lembrança do amor que acreditei vivê-lo pendurado em mim como uma bonita pintura. Por que será que para retirar um prego é mais difícil do que afixar? Seja na parede da casa ou do coração. Da casa, corro o risco de estragar a parede com os buracos que ficam e no coração fere-me a alma. Na parede, um pouco de massa resolve o estrago, mas no coração somente o tempo ou um novo amor para curar-me a ferida exposta. Por isso minha dúvida entre deixar o prego da saudade do amor prometido que se foi ou se o retiro e fico com o oco da vazia solidão. Ficar com a lembrança do prego que machuca ou o triste furo da solidão?

Certas questões evito obter respostas, embora que minha mente fique martelando diariamente:

"-Arranca logo esse prego do coração e tape os furos com novo amor!"


Djanira Luz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUERIDO LEITOR, QUE VOCÊ SAIA MELHOR DO QUE CHEGOU AQUI! VOLTE SEMPRE QUE O TEMPO PERMIRTIR OU O CORAÇÃO DESEJAR...rs

;Djanira LUZ