12 de mar de 2009

SAUDADE SEM OLHEIRAS...


Ah, saudade...

Saudade tira fome, tira sono, tira até esmalte das unhas... Sério! É só ficar ansiosa ou triste que a mulher leva logo a unha para o encontro dos dentes afiados... Saudade rouba também nossa paciência, nossa segurança. Ficamos receosas, temerosas. Eita, inseguranca!
Tem saudade tão danada de grande que quase tira nossa esperança!

Mas, saudade não só tira como dá.
Saudade dá uma cara de choro, dá um par "horrível" de olheiras de noites sem dormir, dar uma dor
no estômago de tão vazio que fica! Quem quer comer quando se está cheio de saudade? Fome mesmo só de amor, não é mesmo?

Pior de tudo é quando a saudade vai embora. É quando nosso amor tá pertinho da gente. Aí que vem o perigo! Normalmente queremos compensar o sofrimento causado pela dor da saudade e nada melhor do que uma taça generosa de sorvete, uma barrinha de chocolate ao leite, no meu caso é branco, só gosto de chocolate branco... E para completar, nada de noites sem dormir, vamos acordar só depois das onze! Bem, isso se não estiver em período de aula ou trabalhando... Do contrário, paraaliviar as olheiras, é bom recorrer ao bom e velho segredinho das vovós de "trocentos anos" - pepino em rodelas com mel...rs Uma beleza! rsrs

Beijos e se tiverem alguma dica, podem deixar por aqui. Volte e meia tô precisando! rs

Djanira Luz

SENTINDO FALTA DE QUÊ?




Já sentiu aquela sensação de que esqueceu alguma coisa, aí olha na bolsa e confere:
celular, carteira, gloss, camisinha, absorventes, escova de dentes, chaves, estojo de
maquiagem... Essas coisinhas "básicas" que nós mulheres amamos. Aí, você nota que tá tudo certinho, não falta nada... Mas, não era na bolsa que você tinha que ter
olhado... Quando for assim tem que olhar bem para dentro de si, lá no fundo do seu coração. Pois é ele quem sente um vazio, uma saudade do seu amor...




Djanira Luz