8 de jul de 2009

SEXTA-FEIRA NÃO COMBINA COM GRIPE!




SEXTA-FEIRA NÃO COMBINA COM GRIPE!

- Justo hoje que você foi escolher para gripar? Aposto que fez isso de propósito, pois sabia que hoje seria a festa de bodas de ouro dos meus avós! Sei que detesta reuniões de família, sua mãe bem me disse...

Achei graça da Lara em acusar o Beto como se ele tivesse culpa de adoecer naquela sexta-feira, embora que uma parcela ele teve sim. Dias antes havia saído do banho quente indo para faculdade sem agasalho e jogado futebol na chuva. Retornou para casa congestionado.

Então, se puder puní-lo por imprudência, digamos que ele assumiria como bom estudante de Direito que foi “mea culpa”. Falha sim, culpa não!

Lara e Beto começaram a discutir entre tosses e espirros, pois o Beto era peça importante das Bodas, ele seria o par da Lara na valsa dos netos e bisnetos. Beto estava muito mal e com febre alta. Ele queria que a namorada ficasse em casa cuidando dele. Chantagem de rapaz enciumado. Homem já faz manha. Gripado, então! Lara afirmava que nada a impediria de ir a festa dos avós. Beto ficou aborrecido e ao mesmo tempo arrependido por ter dito que se ela fosse sozinha o namoro terminaria ali. Fazendo-se de forte, mesmo desabando em choros feito a chuva que caía, Lara gritou:

- Você fica aí de molho no final de semana que eu vou cair dentro do molho de tártaro com camarão, seu idiota!

É por isso que eu digo... Sexta-feira não é dia para sentir dor, para ficar doente ou de mau-humor! Sexta é para aproveitar, descansar e esquecer o peso dos dias úteis. Se tiver que ficar gripado que seja numa segunda que é dia de mau-humor, dia de chefe de cara feia, dia de descascar abacaxis...

Sexta-feira não combina com essas coisas chatas feito uma gripe enjoada que atrapalha um final de semana... Saúde!rs



Djanira Luz