20 de out de 2011

POR ISSO AMO POETAS!



 
Imagem arquivo pessoal - Por Ana Catarina Luz

 
POR ISSO AMO POETAS!

 
Poeta esconde-se atrás das letras e se mostra nas personagens que cria. Algumas vezes brinca de viver não a própria vida, mas a imaginada para si. Sonha o sonho de muitos e os realiza com seus ou não finais felizes para sempre.

Poeta cria rimas não só de letras, mas de ideias que combinam pensamento com ações e formam conceitos vistos de maneira singular, diferente da maioria dos mortais. Só poeta conversa com o vento. Ele entende o canto da cigarra, a timidez do menino e a alegria das estrelas. Um tanto de outras grandezas o poeta é capaz com sutil particularidade.

Poeta percebe a dor dos desconhecidos que vê por onde vai. Poeta alegra-se com um sorriso na multidão e dele faz versos que muitos leem e sorriem como se partilhasem do mesmo sorriso feliz visto na rua.

Todos os poetas são especiais. Poetas captam a dor dos sofredores e transformam a tristeza em algo que conforta. Poetas são sensíveis e reclusos. São observadores e gentis. Poetas falam pouco, mas esbanjam sentimento em cada letra que lhe sai. Poetas são gente como a gente é, mas eles sabem traduzir aquilo que queríamos e não conseguimos, pois a emoção rouba-nos as palavras. Por isso amo poetas, por saberem dizer o que não sei.

Amo os poetas que me capacitaram a crer em dias melhores no amanhã quando li os primeiros versos nos dias que fui menina. Amo os poetas que coloriram minha vida com imagens de esperança e que me fizeram crer que felicidade não precisa ser algo grande, mas algo que se sente intimamente deixando-me com agradável sensação. Algo assim que me toca através de palavras poeticamente bem dita!

Benditos sejam, Deus, todos os poetas! 

 

Um comentário:

  1. Djanira,que beleza de definição!Só mesmo um poeta para definir tão bem, o que é poetar!Ficou lindo seu texto!bjs,

    ResponderExcluir

QUERIDO LEITOR, QUE VOCÊ SAIA MELHOR DO QUE CHEGOU AQUI! VOLTE SEMPRE QUE O TEMPO PERMIRTIR OU O CORAÇÃO DESEJAR...rs

;Djanira LUZ